Definição de manutenção preventiva

Manutenção preventiva é uma ação planejada e sistemática, de tarefas de prevenção de forma constante e, envolve programas de inspeção, reformas, reparos, entre outros. A manutenção preventiva é a monitoração de um determinado objeto, estudado para evitar que ele apresente erros ou se quebre. Uma das formas de fazer isso é criando um plano.

Sua importância

Todo equipamento é necessário passar por manutenção, seja ela preventiva ou corretiva, para garantir a sua funcionalidade correta. Todas as manutenções realizadas nos veículos, precisam garantir a integridade do equipamento e, a segurança de quem opera, para que não se coloque em risco as pessoas envolvidas.

Veja o que acontece em empresas de transporte rodoviário, que estão preocupadas com a qualidade:

  • A manutenção preventiva é realizada regularmente;
  • Resultados de inspeções preventivas são registrados no programa regular de  manutenção;
  • O motorista contribui com relatos quanto às condições do veículo, realizando checklists de inspeção diariamente, e estes são analisados pelo setor de manutenção;
  • O desgaste anormal, danos acidentais e abusos detectados na manutenção, são investigados;
  • Custos de manutenção corretiva são registrados e, analisados como perdas e, ações de correção e de acompanhamento, são tomadas para que não aconteçam novamente.

Não realização da Manutenção Preventiva

A não realização de manutenção preventiva, pode elevar o número de ocorrências de manutenções corretivas e, como consequência, aumento do custo de manutenção. Sempre ficar atento às recomendações indicadas pelo fabricante, contidas no manual do proprietário de cada veículo.

Estabelecer uma rotina para Manutenção Preventiva

A empresa deve sempre utilizar equipamentos confiáveis. Portanto, seguem abaixo, algumas dicas de como criar uma rotina para garantir a correta manutenção dos equipamentos:

  • Mapear o processo

Realizar um levantamento das principais etapas do processo de manutenção, estabelecendo o fluxo de processo (entradas e saídas), bem como se existem processos de apoio.

  • Documentar o processo

Estabelecer um procedimento documentado. Neste documento, deverão ser registrados os processos efetuados pela empresa e todas as suas etapas, mencionando quais checklists e documentos são utilizados, bem como os responsáveis pela execução ou controle de cada atividade.

  • Realização do processo

Aplicar a sistemática de manutenção, que foi definida para os veículos da frota e terceiros contratados, observando os itens a inspecionar, mantendo evidência das inspeções, bem como, dos serviços realizados.

A AFOB EXPRESS, tem o compromisso de manter sua frota revisada, evitando sempre, a geração de transtornos aos nossos clientes. Adotamos um plano de ação para realizar as manutenções necessárias, conforme indicado abaixo;

  • Checklist – Realizado diariamente pelo motorista;
  • Diário de Bordo – Registro / descrição de todas etapas, atividades e ocorrências, em todas as operações realizadas pelo veículo, possibilitando aos gestores da AFOB, programar as devidas manutenções;
  • No caso de carros de terceiros contratados, nosso gestor avalia o veículo antes da contratação do mesmo, conforme checklist existente.

De acordo com as informações obtidas pelos nossos motoristas, o nosso gestor de frota, analisa todas as informações apresentadas e toma as providências necessárias, quer sejam preventivas ou, corretivas.

Fonte: